Verão / Cuidado nos banhos de mar!

Tomar banho no mar ou brincar nas ondas é muito bom! Mas é preciso muito cuidado. O mar é traiçoeiro, mesmo quando parece estar muito calmo. Nós damos-te uns conselhos para te divertires em segurança!

Nunca entres no mar em zonas
não vigiadas por um nadador-salvador

 

Não vás sozinho, nem mesmo só com um amigo

Pede sempre autorização aos teus pais primeiro e leva sempre contigo um adulto que conheças quando vais para perto do mar

 


Evita ir para a água a seguir às refeições. O melhor é esperares as três horas que os teus pais recomendam


 

Nunca vires as costas ao mar

As ondas que parecem pequenas podem ficar de repente muito grandes. E os dias em que o mar parece mais tranquilo muitas vezes são os dias em que a corrente é mais forte.

 

A água não te protege do sol

Não penses que só porque a água do mar é fresquinha e por isso arrefece a pele, estás mais protegido do sol. Por exemplo, há quem pense que se molhar o cabelo, nem é preciso usar boné. Mas não é verdade! A água do mar, por causa do sal, atua como uma lente e até faz com que o sol queime mais.

 

Não entres bruscamente

Molha-te devagar, para o teu corpo se ir habituando à temperatura mais fria da água. Especialmente se antes do banho, estiveres muito tempo ao sol. A mudança repentina do calor para a água do mar pode provocar um choque térmico, que é muito perigoso.

 


Nunca te atires de cabeça em locais pouco profundos


 

Se começares a ficar com frio, não insistas

Sai da água e vai para a toalha. O frio é perigoso quando se está no mar. Não te preocupes, depois mais tarde podes voltar, se te deixarem!

Muita atenção aos agueiros!

Agueiro é um canal de corrente causado pelo retorno da água ao mar

Se fores apanhado num agueiro, mantém-te calmo. Não tentes nadar contra a corrente porque cansa muito. Tenta flutuar.
A corrente não te vai puxar para debaixo de água, apenas para longe da costa.

Acena e grita para chamar a atenção

Se estiveres na praia e vires alguém em apuros chama um adulto!

 

E se te picares num peixe-aranha?

O peixe-aranha é uma espécie que toda a gente já ouviu falar e não é porque sabe muito bem!

É porque muitos já picaram o pé e ficaram com dores fortes ao pisar um destes pequenos peixes, que vivem na nossa costa. Têm uns espinhos venenosos que, se lhes puseres o pé em cima, fazem doer muito. Mas não te preocupes, o veneno é inofensivo! Mas claro que as dores custam muito a aguentar. Se por acaso tiveres o azar de te encontrares com um peixe-aranha, pede ajuda imediatamente! E chama também o nadador-salvador.

A melhor maneira para passar a dor é colocar o pé em água o mais quente possível, sem te queimares. Vais ver que melhora. E tenta aguentar assim durante 30 minutos, ou até a dor desaparecer por completo.

Depois, pede ajuda para verificar se tens algum espinho preso no teu pé. Se tiveres, retira-o com cuidado e desinfeta a ferida. Mas mesmo que não encontres nada, desinfeta a ferida!

 

Ilustrações: Francisco Araújo

Cuidado com a tua pele!

Sabes porque é que a tua pele fica morena? Clica na imagem!